Adriel pede informações à Sabesp sobre existência de substâncias nocivas à saúde na água

ProfessroAdriel 16.05.2022 DiscursoProfessor Adriel comentou os dados do Mapa da Água, e pediu esclarecimentos da Sabesp sobre existência de substâncias nocivas à saúdeA divulgação da pesquisa que relata a existência de substâncias que geram riscos à saúde, acima do limite de segurança, na água de diversos municípios brasileiros, foi abordada pelo vereador Professor Adriel (PT), na sessão ordinária desta segunda-feira (16). O parlamentar manifestou “muita preocupação e até mesmo indignação” com o assunto, já que, conforme o estudo, intitulado “Mapa da Água”, o problema foi constatado também em Monte Mor.

No pronunciamento, Adriel informou que, naquela data, elaborou ofício à empresa Sabesp, cobrando esclarecimentos. Segundo ele, o estudo - divulgado em veículos de imprensa, como o UOL, contemplando dados de 2018 a 2020 - menciona a “presença em exagero de duas substâncias que podem provocar diversos problemas de saúde à população, inclusive câncer, na água de muitos municípios”. São elas: ácido haloacético total e trihalometano total.

“É importante que a Sabesp responda com urgência a esse ofício, e preste satisfações à sociedade, à população de Monte Mor, sobre essas substâncias”, informou o vereador. Ele disse que ficou “muito preocupado” com a informação, e imagina que a toda sociedade esteja “alarmada”. “Nós precisamos que a Sabesp comprove, pelos seus dados, pelas suas planilhas, pelos seus meios técnicos, que talvez não seja isso. Eu quero crer que não seja isso”, afirmou.

O parlamentar também questiona quais as medidas foram ou estão sendo tomadas pela empresa, caso de fato tenha sido constatada a presença “desses agentes que podem ser danosos para a saúde da população, em demasia”. Divulgado pela organização social Repórter Brasil, o Mapa da Água contempla dados resultantes de “testes feitos pelas empresas e instituições responsáveis pelo abastecimento” (acesse a íntegra neste link).