Câmara desmente postagem em redes sociais e destaca que assessores parlamentares não têm direito a gratificações

A Câmara de Monte Mor vem a público esclarecer que é MENTIRA a postagem divulgada em redes sociais, nesta data, que informa que assessores parlamentares teriam direito a gratificação de até 30%, por atuar como fiscais de contratos.

O Poder Legislativo esclarece que os 15 assessores lotados na Casa, a serviço de cada gabinete parlamentar, não têm direito a quaisquer gratificações ou valores por fiscalização de contratos.

A Câmara também informa que tomará as medidas judiciais cabíveis para coibir mentiras como esta, divulgadas na internet. Respeitamos a liberdade de expressão, mas defendemos que a mesma seja exercida dentro dos limites éticos e legais.

Monte Mor, 8 de julho de 2020.

Walton Assis Pereira - Presidente