Ir direto para menu de acessibilidade.
Você está aqui: Página inicial > > Comunicação > > Notas Oficiais > > Visando coibir aglomerações durante a pandemia, Ceará Mascate pede ação efetiva da GCM na praça do São Clemente
Início do conteúdo da página

Visando coibir aglomerações durante a pandemia, Ceará Mascate pede ação efetiva da GCM na praça do São Clemente

CearáMascate 03.08.2020Ceará afirmou que, aos finais de semana, é comum haver a aglomeração de pessoas na praça do bairro, principalmente no período da tarde04/08/2020 - O vereador Ceará Mascate (Republicanos) solicita que a Guarda Civil Municipal (GCM) realize ações efetivas na praça do Parque Residencial São Clemente, visando coibir a aglomeração de pessoas durante a pandemia do novo coronavírus. A reivindicação foi apresentada durante discurso na sessão deliberativa remota desta segunda-feira (3) - assista.

No pronunciamento, o parlamentar afirmou que, aos finais de semana, é comum haver a aglomeração de pessoas na praça do bairro, principalmente no período da tarde. E destacou que não é proibido frequentar o local; mas, devido às recomendações das autoridades de saúde, é necessário garantir o distanciamento social, como forma de prevenir a Covid-19.

O vereador também afirmou que, além da aglomeração de pessoas, vem ocorrendo o consumo de álcool e até mesmo a ocorrência de práticas ilícitas na praça. E fez um apelo à GCM, para atuar no local, já que tal situação coloca em risco a vida e a saúde de todos. Ceará também destacou a importância do uso de máscaras, visando à prevenção do novo coronavírus.

CASOS

Os dados divulgados pela prefeitura, em 24 de julho, também foram abordados. Na época, as estatísticas informavam que o São Clemente é o terceiro bairro com maior número de casos da Covid-19 no município, com 42 infectados, ficando atrás apenas do Centro (64 casos) e do Jardim Paulista (56). Ceará voltou a pedir que os munícipes cuidem da prevenção.

“O Covid está aí. Ele não é um vilão sozinho, o vilão somos todos nós”, afirmou, destacando que a sociedade precisa tomar os cuidados, para não contrair a doença. O parlamentar também disse que entrará em contato com a Secretaria de Segurança Pública, para apurar denúncias reportadas por munícipes de que a GCM não teria atendido a chamados relativos à aglomeração.

Fim do conteúdo da página