Ir direto para menu de acessibilidade.
Você está aqui: Página inicial > > Comunicação > > Notas Oficiais > > “A prevenção é o melhor caminho”, diz Ceará Mascate, ressaltando a importância da vacinação contra o sarampo
Início do conteúdo da página

“A prevenção é o melhor caminho”, diz Ceará Mascate, ressaltando a importância da vacinação contra o sarampo

CearáMascate 02.09.2019“A prevenção é o melhor caminho para tudo: para a saúde, a segurança”, salientou Ceará Mascate, no pronunciamento04/09/2019 - Os recentes casos de sarampo diagnosticados no país - incluindo a morte de dois bebês em São Paulo e de uma mulher, no Rio de Janeiro - levaram o vereador Ceará Mascate (PPS) a abordar a importância da vacinação contra a doença, durante discurso na Câmara, na última segunda-feira (2). No pronunciamento, realizado na 29ª sessão ordinária do ano, o parlamentar lembrou que os últimos casos de sarampo haviam sido registrados em 1997, no país. 

Para Ceará, houve falhas nas iniciativas de prevenção, tendo em vista que, nos últimos meses, a incidência do sarampo voltou a ser verificada, inclusive com mortes. “A prevenção é o melhor caminho para tudo: para a saúde, a segurança”, salientou o vereador, recomendando que as pessoas procurem os postos de saúde para se informar sobre a doença e tomar a vacina. “A partir dos seis meses de idade, é obrigatória essa vacina, pois é o meio de você se proteger”, disse.

Em agosto, a Secretaria da Saúde emitiu nota recomendando a vacinação contra sarampo aos bebês . A medida, explicou, visa “intensificar a imunização entre o público infantil, entre 6 meses a menores de 1 ano, considerado mais vulnerável à doença”. Ainda segundo o Estado, crianças e adultos, com idade entre um ano a 29 anos, devem ter pelo menos duas doses da vacina contra o sarampo. Acima desta faixa, até 59 anos, é preciso ter pelo menos uma dose. 

RAIVA

Ceará também lamentou que o Estado não tenha disponibilizado, aos municípios, doses da vacina contra a raiva animal. O parlamentar destacou a importância da vacinação, tendo em vista que se trata de mais uma doença fatal, transmitida principalmente por cães e gatos não imunizados. “A prevenção é o primeiro caminho”, ressaltou. 

ASFALTO

Ceará também comentou que, na quinta-feira (29), fiscalizou as obras de pavimentação asfáltica do Jardim Paviotti, e constatou problemas. Segundo ele, nas épocas de chuvas o bueiro implantado não suportará a vazão da água, principalmente no trecho da divisa entre o Paviotti I e o Paviotti II. O parlamentar fez indicação à prefeitura, recomendando que a empreiteira seja notificada, para corrigir o problema. Em comentário, o vereador Joaz confirmou a situação.

LOTEAMENTOS

Após visitar os loteamentos privados Central Park e Monterrey, Ceará informou que tais obras infringem a Lei Federal 10098/2000, que estabelece normas de acessibilidade para pessoas portadoras de deficiência ou com mobilidade reduzida. O vereador disse que as obras desses loteamentos não possuem, por exemplo, “guias rebaixadas”, o que impedirá a circulação de cadeirantes, por exemplo. “Isso é um crime”, denunciou.

 
Fim do conteúdo da página