Notícias Relacionadas

Câmara entrega Moção de Aplausos a Rádio Prima, pela cobertura das eleições municipais

15/12/2020 – “A Rádio Prima FM é exemplo de trabalho jornalístico isento perante a população, visando única e exclusivamente o interesse de levar a informação mais precisa para que o ouvinte possa fazer a melhor opção na hora de votar”. A declaração faz parte de trecho da Moção 11/2020, de Aplausos à emissora comunitária da cidade. De autoria do vereador Waltinho Assis (PSL), a propositura foi aprovada por unanimidade na sessão da Câmara desta segunda-feira (14), ocasião em que a placa, com a homenagem, foi entregue a integrantes da rádio, presentes no Plenário. O autor da Moção esteve ausente da Câmara, pois estava com sintomas da Covid-19. Entretanto, fez discurso por videoconferência, justificando e lamentando a ausência no Plenário, e parabenizando a emissora pelo trabalho desenvolvido no município. Coube aos secretários da Mesa Diretora, Marcos da Farmácia (PSL) e Neide da Especialidade (MDB), realizarem a entrega da Moção. Em discurso emocionado, na tribuna da Câmara, o locutor Eduardo Rage, um dos fundadores da emissora comunitária, abordou a história de criação do veículo de comunicação na cidade.  Rage lembrou que a Associação - que legalmente viabilizaria a Rádio Prima - foi fundada por ele em 1995; que em 1997 o país aprovou a Lei Federal que regulamentou a radiodifusão comunitária; e que somente em dezembro de 2001 a emissora obteve a aprovação (outorga) pelo Ministério das Comunicações – logo, atua no município há 19 anos. “O sonho não se concretiza se não houver ação. Mas, com a nossa ação o sonho foi realizado, na verdade ele se realiza todos os dias: todas as vezes que levamos entretenimento, chegamos a casa dos nossos ouvintes.”, disse. O locutor também abordou a importância da emissora nos processos eleitorais, como no pleito de 2020 - foco da Moção de Aplausos, que parabeniza a Rádio Prima pela cobertura realizada. “Nós sabemos da nossa responsabilidade, principalmente nos momentos de defender a cidadania”, disse, lembrando que a emissora já cobriu quatro eleições; realizou quatro debates; entrevistas com candidatos; e em 2020 começou a transmitir a propaganda eleitoral gratuita. Além disso, anunciou que será feita a transmissão, ao vivo, da posse do prefeito e dos vereadores eleitos, no dia 1º de janeiro.

Câmara entrega Moções de Aplausos à artesã Jane de Paula e à psicóloga Salete Labello

01/12/2020 - A Câmara promoveu a entrega de duas Moções de Aplauso ao final da sessão ordinária desta segunda-feira (30/11). As homenagens foram feitas à artesã Jane de Paula, do CAPS (Centro de Atenção Psicossocial), e à psicóloga aposentada Salete Aparecida Haddad Labello.  As duas proposituras haviam sido aprovadas em setembro deste ano, por unanimidade, e são de autoria conjunta do vereador Waltinho Assis (PSL), presidente da Câmara, e da vereadora Neide da Especialidade (MDB). Servidora concursada da prefeitura desde junho de 2016, Jane de Paula “tem proporcionado, mediante laborterapia com o artesanato, o desenvolvimento intelectual dos pacientes, a coordenação motora, a diminuição na ministração dos medicamentos e [vem] conseguindo a readaptação dos pacientes”, afirma trecho da Moção 5/2020. Já a Moção de Aplausos 6/2020 destaca que a psicóloga Salete Labello desenvolveu importante trabalho no CAPS, desde a sua criação no município. A profissional, salienta a propositura, tem experiência de mais de 30 anos em psicanálise, especialmente na área de saúde mental, e possui “perfil conciliador e acolhedor, sendo adorada por todos”.  Veja mais fotos da entrega das Moções no Facebook.        

Sessão deliberativa remota: acompanhe o resumo dos debates do Expediente Livre desta segunda-feira (28)

29/09/2020 - Com transmissão ao vivo pelo YouTube, a Câmara realizou mais uma sessão deliberativa remota, nesta segunda-feira (28). Não houve votação de matérias na Ordem do Dia, e vereadores abordaram assuntos diversos, no Expediente Livre. Acompanhe abaixo um resumo dessas manifestações, elaborado em versão resumida, conforme a legislação eleitoral. Vavá (MDB) citou serviço de limpeza realizado pela Secretaria de Obras, no Jardim Colina, e o trabalho da pasta na cidade. Mencionou a atuação de servidores públicos na linha de frente do enfrentamento da Covid-19. E, ainda, a reunião da qual participou, com o vereador Vanderlei Soares (MDB), na Sabesp, abordando assuntos como o sistema de esgoto e de água em bairros. O parlamentar também desejou que a campanha eleitoral, iniciada no domingo (27), seja tranquila.  Ceará Mascate (Republicanos) afirmou que, em respeito à legislação eleitoral, deixará de publicar em suas redes sociais, até 16 de novembro, conteúdos relacionados às fiscalizações realizadas. Pediu, ainda, que a Secretaria de Saúde responda ofício de seu gabinete, enviado há cerca de 30 dias, que pedia informações sobre a viabilidade de contratação de mais médicos para a Unidade de Saúde do São Clemente. Segundo ele, o posto atende cerca de 15 mil pacientes, de cinco bairros, e conta apenas com um único médico e uma enfermeira. Já na Policlínica, o vereador reclamou da redução dos atendimentos de especialidades, durante a pandemia do coronavírus. E pediu que o Poder Executivo faça um planejamento para a retomada dos mesmos, já que é preciso garantir o acompanhamento de outras doenças. Joaz (PSDB) citou serviços de limpeza da praça e da pista de caminhada do Jardim Paviotti, realizados pela equipe da Secretaria de Meio Ambiente, conforme reivindicação do seu gabinete. Fez menção, ainda, a um deputado. Já Murilo Rinaldo (DEM) comentou seu aniversário de 38 anos, celebrado na data. E, sobre o período de campanha eleitoral, defendeu que sejam tomados cuidados com calúnias e difamações, que podem inclusive ser alvo de registros de Boletins de Ocorrência (BO) e, segundo ele, até de representações judiciais da Presidência, que terão o seu apoio. O vereador também afirmou que seu gabinete notificará o Governo do Estado, pela suspensão - desde março - de contrato que garantia o transporte de crianças deficientes. Para ele, se o Estado liberou o acolhimento dessas crianças, pelas escolas, deveria garantir o transporte. Sobre a pandemia, defendeu a manutenção de cuidados preventivos, por todos. Marcos da Farmácia (PSL) citou ataques sofridos por parlamentares e pela administração do município, nas redes sociais. Defendeu que, no caso dos vereadores, tais situações - que em sua opinião envolvem críticas falsas - deveriam contar com o respaldo jurídico da Câmara.  Sobre o atendimento na Policlínica, o vereador lembrou que vários médicos da unidade contraíram a Covid-19; e que, atualmente, as agendas de atendimento de especialidades foram retomadas e estão cheias. Também citou: reunião realizada com o prefeito, sobre viabilidade de instalar Centro de Especialidades na região do Jardim Paulista; a atuação da secretaria de Meio Ambiente; e a campanha eleitoral, que, para ele, precisa ser realizada com respeito. Jesus Lopes (PSL) citou nova iluminação pública implantada em vias da cidade; além de obras. Também defendeu respeito nas campanhas eleitorais, mesmo com divergências de ideias políticas. E comentou, ainda, a limpeza realizada pela Secretaria de Meio Ambiente, no Jardim Paviotti. Neide da Especialidade (MDB) pediu que o Poder Executivo disponibilize um farmacêutico para o posto de saúde do Jardim Panorama, tendo em vista que a profissional da unidade está afastada. Citou iluminação pública implantada no bairro; e pediu que, no Jardim do Engenho, também sejam feitas melhorias em ruas que atualmente são escuras. Também citou obras realizadas. E desejou que a campanha eleitoral realizada por candidatos seja perfeita e agradável. Em aparte ao discurso, Danilo Jacob (PDT) citou a atuação de parlamentares.  Vanderlei Soares (MDB) comentou reunião realizada na Sabesp, na companhia de Vavá. Disse que foram abordados, no encontro, o atendimento da empresa aos bairros Parque São Rafael, São Domingos, São Gabriel, São Sebastião, Jardim Colina e Chácaras Seriema. Defendeu, ainda, que a empresa deveria arcar com os serviços de limpeza de fossa séptica - que, atualmente sob responsabilidade da prefeitura, não vêm sendo realizados, pois o caminhão está quebrado. O parlamentar também comentou  problema de esgoto a céu aberto constatado no Parque São Rafael. E defendeu a revisão do contrato da Sabesp com o município, visando melhorias no atendimento prestado. Sobre educação, o parlamentar disse que pais de alunos e servidores de escolas estão preocupados com o planejamento do Governo do Estado de retomada das atividades escolares. Disse, ainda, que no início da pandemia o Estado suspendeu contrato de transporte com o município, e que até agora não fez solicitação oficial para que o mesmo seja retomado. Em aparte, Jesus Lopes disse que a Sabesp não vem cumprindo com suas obrigações, e que mudanças e melhorias deveriam ser inclusive sugeridas junto à Arsesp, agência reguladora.  Zé Fernandes (PSDB) mencionou a atuação de vereadores, inclusive na intermediação de emendas parlamentares, visando obras. E voltou a defender a instalação de placas de identificação de lombadas e também de ruas, pelo Poder Executivo. Já Waltinho Assis (PSL), presidente da Câmara, também citou o início do período eleitoral, desejando que a campanha seja limpa. Lembrou que ataques nas redes podem culminar com cassação de mandatos. E, sobre eventual abertura de processos judiciais contra pessoas que cometam infrações, na internet, afirmou que o Jurídico da Câmara só pode atuar em situações que afetem diretamente o Legislativo; em demandas individuais, é necessário recorrer a defesas particulares. O vereador também disse que, em breve, o Executivo realizará melhorias na iluminação pública da Rua Luis Marini e na estrada da Igreja da Serra, conforme indicado pelo seu gabinete. Comentou, também, a implantação de iluminação LED em ruas - assunto que também foi fruto de sua Indicação.

Vereadores aprovam Moções de Aplausos ao padre Fábio, à artesã Jane de Paula e à psicóloga Salete Labello, do CAPS

11/09/2020 - Três Moções de Aplausos foram aprovadas pelos vereadores, durante a sessão deliberativa remota da última terça-feira (8). Os textos, que receberam o voto favorável de todos os presentes, prestam homenagens a profissionais que atuam no município. A Moção 4/2020 manifesta aplausos à posse do padre Fabio Fernandes dos Santos Silva como pároco na Paróquia São Francisco de Assis, localizada no bairro Jardim Alvorada. O texto destaca que se trata da paróquia com o “maior número de fiéis” da cidade. CAPS A Moção 5/2020 manifesta aplauso à artesã do CAPS (Centro de Atenção Psicossocial) Jane de Paula, servidora concursada da prefeitura desde junho de 2016. Já a Moção de Aplausos 6/2020 presta homenagem à psicóloga Salete Aparecida Haddad Labello, pelo trabalho desenvolvido no CAPS, desde a sua criação, no município. Os dois projetos são de autoria conjunta dos vereadores Waltinho Assis (PSL), presidente da Câmara, e Neide da Especialidade (MDB). (Notícia institucional elaborada em versão resumida, em conformidade com a legislação eleitoral. O vídeo da sessão, contendo a íntegra dos discursos e das votações, está disponível neste link).